14 de ago de 2009

Óbito

*





















AMIGOS:

É com muita tristeza que participamos o falecimento do tão querido amigo que se chamava CARÁTER.

… e que viveu por muitos emuitos anos entre nós.

Ninguém sabia, com precisão, a sua idade. Porque o registo do seu nascimento foi desclassificado há muito tempo, tamanha a sua antiguidade.

Mas, nós nos lembramo muito bem dele,
principalmente pelas suas lições de vida, tais como:

«O direito de um, termina onde começa o do outro»

«A honestidade não é uma virtude a ser aplaudida; porém, praticada»

Ou ainda,

«Decência é como gravidez: Existe ou não existe»

E também:
«Respeite, mesmo se for desrepeitado»

O CARÁTER só vivia com regras simples e práticas como:

«Não existe qualquer tipo de convivência sem RESPEITO»

E de claros princípios básicos como:

«O exemplo vem de cima!»

Acontece que o CARÁTER começou a ficar abalado, quando altas personalidades da vida pública deixaram de participar do noticiário político, passando para o policial.
*
Documento integral disponível em PDF (e PPT): 20090814WPD_Falecimento.pdf
Solicite seu exemplar.
*

Um comentário:

  1. Importantes considerações, amigo. Todos os dias me deparo com o falecimento do caráter nas pessoas, infelizmente. Deus as ajude e não nos desampare! Paz, amigo, muita paz e luz em seu coração.

    ResponderExcluir

SinapsesLinks
Seja bem-vindo!
Muito obrigado por seu comentário.
sinapseslinks@gmail.com