31 de ago de 2010

30 de ago de 2010

Meu próximo automóvel

*
Por favor,
Click sobre a imagem para ampliá-la.
*

29 de ago de 2010

Atração Fatal

*
Por favor,
Click sobre a imagem para ampliá-la.
*

Educando as crianças!

*
Por favor,
Click sobre a imagem para ampliá-la.
*

Educadores de Pindamonhangaba-SP
Sejam Abençoados!
*




27 de ago de 2010

Valorize o seu Dia!

*






















Valorize o seu dia!

Cada dia corresponde a uma nova página escrita no livro da sua vida, onde você deverá escrever as melhores memórias.

Assim, quando desperte, dirija ao Infinito a sua prece. Agradeça pela noite superada e rogue ao Pai do Céu as indispensáveis bênçãos para o período iniciante.

Erga-se e alegre-se com a oportunidade renovada de manter seu corpo físico para os empreendimentos do progresso.

Busque ocupar-se com algo nobre, algo que dignifique a sua existência na Terra.

À frente dos transtornos e contratempos, que surgem nos caminhos de todos, invariavelmente, não se deixe conduzir pela irritação, pelo agastamento ou pelo azedume.

Procure compreender que nada lhe ocorre sem que tenha um sentido útil para o seu crescimento geral.

Perante as ocorrências de violência e diante dos quadros de agressões que veja em sua rota, realize o melhor que possa, sem revolta nem desespero.

Você está no mundo que fez por merecer, com as situações que caracterizam a sua quadra evolutiva e com as pessoas do seu mesmo patamar moral, com ligeiras diferenças, facilmente observáveis.

Onde esteja, semeie alegria e jovialidade, atendendo à recomendação do apóstolo Paulo para que demos graças a Deus por todas as coisas da vida.

Busque fazer novos amigos, mantendo, com carinho, os velhos companheiros.

A amizade, no mundo, é como o beijo solar iluminando as flores, sem o qual elas tendem a murchar e fenecer.

Alimente-se com moderação. Não é preciso passar fome, contudo, é bom que não transforme estômago em tonel de venenosas misturas, capazes de intoxicar, de lhe acumular indevido colesterol nas artérias ou de lhe provocar disfunções hepáticas.

Afaste-se das pseudo-necessidades alcoólicas. O álcool que você precisa para a digestão a Divindade já fez constar do seu programa de produção orgânica.

Fora disso, a ingestão dessa substância corresponderá sempre a consciente envenenamento que lhe perturbará a saúde aos poucos.

Procure ser comedido nas brincadeiras, a fim de não constranger os amigos, gerando afastamentos e inimizades.

Ou para não perder seu precioso tempo com intermináveis lorotas e banalidades.

Sorria, seja prazenteiro, uma vez que o Evangelho de Jesus, que você afirma conhecer, é fonte inesgotável de alegrias.

E quando chegar ao fim o seu dia, vivido com maior ou menor dificuldade, ponha-se em meditação.

Verifique onde é que você poderia ter sido melhor, em que itens deveria ter agido melhor.

E, sem remorsos prejudiciais, faça projetos de renovação para o dia seguinte, procurando levá-los a sério.

Ore e entregue-se uma vez mais ao Supremo Senhor, construindo, dia-a-dia, a própria felicidade, a sua própria luz.

Valorize o seu dia.

Não o desperdice remoendo mágoas ou destilando tormento, mas aprenda a cultivar a alegria de viver, apesar das lutas e limitações que carregue.

Valorize o seu tempo na Terra e prossiga, decidido pelo bem, para que, no serviço do Senhor, você continue crescendo em busca do encontro consigo mesmo.
*
Fonte:
http://www.reflexao.com.br/
*
Colaboração:
Telma Canettieri Ferrari
Pindamonhangaba-SP
*
Publicado em: SinapsesLinks
http://sinapseslinks.blogspot.com/
*

Médico Perfeito

*





















Recomendado pelo Médico Perfeito


Da próxima vez que você sentir que DEUS não pode usá-lo, lembre-se:

◆ Noé era um bêbado
◆ Abraão era velho demais
◆ Isaque era medroso
◆ Jacó era um mentiroso
◆ Léia era feia
◆ José era um escravo
◆ Moisés era gago e incapaz de falar em público
◆ Gideão teve dúvidas que Deus o teria escolhido
◆ Sansão tinha cabelos compridos e era adúltero
◆ Jeremias e Timóteo eram jovens demais
◆ Davi cometeu um adultério e um assassinato
◆ Elias era suicida
◆ Isaías pregava nu
◆ Jonas fugiu de Deus
◆ Raabe era uma prostituta
◆ Jó foi a falência e perdeu a saúde
◆ João Batista era uma figura excêntrica e até comia insetos
◆ Maria Madalena tinha sido possuída por 7 demônios
◆ Noemi era uma viúva desamparada
◆ Paulo era religioso demais, fanático
◆ Pedro negou Cristo
◆ Os Discípulos adormeceram enquanto oravam
◆ Marta era agitadíssima e invertia as prioridades
◆ A mulher samaritana era divorciada, mais do que uma vez
◆ Zaqueu era pequeno demais
◆ Timóteo tinha uma úlcera...
◆ E Lázaro estava morto!

E não esqueça: Jesus ajudou todos eles!!!!

Deus pode usar seu potencial por completo!!!

Além disso, você não é a mensagem, você é apenas o mensageiro.

No círculo de amor de Deus, Deus está esperando para usar o seu potencial.

10 coisas que precisamos entender….

1. Deus quer frutos espirituais, não tolices religiosas.
2. Não existe chave para a felicidade. A porta está sempre aberta.
3. Silêncio é geralmente mal interpretado mas nunca citado erroneamente.
4. Faça a matemática... Calcule suas bençãos.
5. Fé é a habilidade de não entrar em pânico.
6. Se você se preocupa, você não orou. Se você ora, não se preocupe.
7. Como uma criança de Deus, a oração é como ligar para casa todos os dias.
8. As coisas mais importantes na sua casa são as pessoas.
9. Quando estamos enrolados com nossos problemas, fique calmo. Deus quer que sejamos calmos para que Ele desamarre os nós.
10. A mágoa é uma coisa muito pesada para carregar. Perdoe.

Trate melhor do que o necessário todo aquele que você souber que está enfrentando algum tipo de batalha.

Viva simplesmente, Ame generosamente, Cuide profundamente e Fale gentilmente.......
Deixe o resto com Deus. 
*
Autoria: desconhecida
*
Colaboração:
Alfredo F. Corrêa
São Paulo-SP
*
Publicado em: SinapsesLinks
http://sinapseslinks.blogspot.com/
*

Anjo Guardião

*

25 de ago de 2010

Ego

*





















CONTROLE DO EGO - SETE PASSOS

Wayne W. Dyer
18 de Julho de 2010
Aqui estão sete sugestões para ajudá-lo a transcender idéias arraigadas sobre a
própria importância. Todas estas são concebidas para ajudar a impedi-lo de se identificar falsamente com a auto-importância do ego.

1 – Deixe de ficar ofendido.

O comportamento dos outros não é motivo para ficar retido. Aquilo que o ofende somente o enfraquece. Se estiver procurando ocasiões para ficar ofendido, você as encontrará a cada oportunidade. Este é o seu ego operando, convencendo-o de que o mundo não deveria ser assim. Mas você pode se tornar um apreciador da vida e se equiparar ao Espírito universal da Criação. Você não pode alcançar o poder da intenção ao ficar ofendido. De qualquer modo, aja para erradicar os horrores do mundo que emanam da identificação massiva do ego, mas fique em paz. Como “Um Curso em Milagres” nos lembra: “A Paz é de Deus, você que é parte de Deus, não está no lar, exceto em sua paz. Ficar ofendido cria a mesma energia destrutiva que o ofendeu em primeiro lugar e leva ao ataque, ao contra-ataque e à guerra.

2 – Libere a sua necessidade de vencer.

O ego adora nos dividir em vencedores e perdedores. A busca da vitória é um meio infalível de evitar o contato consciente com a intenção. Por quê? Porque em última instância, a vitória é impossível o tempo todo. Alguém lá fora será mais rápido, mais afortunado, mais jovem, mais forte e mais inteligente, e novamente você se sentirá inútil e insignificante. Você não é o seu prêmio ou a sua vitória. Você pode curtir a competição, e se divertir em um mundo onde a vitória é tudo, mas você não tem que estar lá em seus pensamentos. Não há perdedores em um mundo onde todos compartilham a mesma fonte de energia. Tudo o que você pode dizer em um determinado dia é que você realizou em um determinado nível, em comparação aos níveis de outros neste dia. Mas hoje é outro dia, com outros competidores e novas circunstâncias a considerar. Você está ainda na presença infinita em um corpo que está em outro dia, ou em outra década, mais velho. Deixe ir a necessidade de vencer, sem concordar que o oposto de vencer é perder. Este é o medo do ego. Se o seu corpo não está atuando de modo a vencer neste dia, ele simplesmente não se importa quando você não está se identificando exclusivamente com o seu ego. Seja o observador, notando e apreciando tudo isto sem precisar ganhar um troféu. Esteja em paz, e corresponda com a energia da intenção. E, ironicamente, embora você quase não o perceba, mais vitórias se apresentarão em sua vida quando menos as perseguir.

3 – Deixe ir a sua necessidade de estar certo.

O ego é a fonte de muitos conflitos e desavenças, porque ele o empurra na direção de tornar outras pessoas erradas. Quando você é hostil, está desconectado do poder da intenção. O Espírito Criativo é bondoso, amoroso e receptivo; e livre da raiva, do ressentimento ou da amargura. Liberar a sua necessidade de estar certo em suas discussões e relacionamentos é como dizer ao ego: eu não sou um escravo para você. Eu quero aceitar a bondade e rejeitar a sua necessidade de estar certo. Realmente, eu oferecerei a esta pessoa uma oportunidade de se sentir melhor, dizendo que ela está certa, e lhe agradecer por me apontar na direção da verdade. Quando você deixa ir a necessidade de estar certo, é capaz de fortalecer a sua conexão com o poder da intenção. Mas tenha em mente que o ego é um combatente determinado. Eu tenho visto pessoas terminarem relacionamentos maravilhosos, apegando-se a sua necessidade de estar certo, interrompendo-se no meio de um argumento e se questionando: “Eu quero estar certo ou ser feliz?” Quando você escolhe o humor feliz, amoroso e espiritualizado, a sua conexão com a intenção é fortalecida. Estes momentos expandem no final das contas, a sua nova conexão com o poder da intenção. A Fonte universal começará a colaborar com você, criando a vida que você pretendia viver.

4 – Deixe ir a sua necessidade de ser superior.

A verdadeira nobreza não se refere a ser melhor do que outra pessoa. Trata-se de ser melhor do que você costumava ser. Permaneça focado em seu crescimento, com uma consciência permanente de que ninguém neste planeta é melhor do que outro. Todos nós emanamos da mesma força de vida criativa. Todos nós temos uma missão de compreender a nossa essência pretendida. Tudo o que precisamos para cumprir o nosso destino nos está disponível. Nada disto é possível quando você se vê como superior aos outros. É um velho provérbio, mas, entretanto, verdadeiro: Somos todos iguais aos olhos de Deus. Deixe ir a sua necessidade de se sentir superior, vendo a revelação de Deus em todos. Não avalie os outros com base em sua aparência, em suas conquistas, posses e em outros índices do ego. Quando você projeta sentimentos de superioridade, isto é o que você recebe de volta, levando a ressentimentos, e principalmente, a sentimentos hostis. Estes sentimentos se tornam o veículo que o distancia mais da intenção. Um Curso em Milagres trata desta necessidade de ser especial e superior. A pessoa que se julga especial sempre faz comparações.

5 – Deixe ir a necessidade de ter mais.

O mantra do ego é mais. Ele nunca está satisfeito. Não importa quanto você consiga ou adquira, seu ego vai insistir que não há o suficiente. Você se encontrará em um estado perpétuo de esforço para obter, eliminando a possibilidade de nunca chegar. Entretanto, na realidade, você já chegou, e como você optar por usar este momento presente de sua vida, é sua escolha. Ironicamente, quando você deixa de precisar mais, mais do que você deseja parece chegar a sua vida. Desde que você se desligou da necessidade por isto, você achará mais fácil transmiti-lo aos outros, porque você compreende quão pouco você precisa a fim de ficar satisfeito e em paz. A Fonte universal está contente com ela mesma, expandindo-se constantemente e criando nova vida, sem tentar se apegar as suas criações para seus próprios propósitos egoístas. Ela cria e libera. Quando você libera a necessidade do ego de ter mais, você se unifica a esta Fonte. Você cria, atrai para si e libera, nunca exigindo que mais venha ao seu caminho. Como um apreciador de tudo o que se apresenta, você aprende a poderosa lição de S. Francisco de Assis: “É dando que recebemos.” Ao permitir que a abundância flua para e através de você, você se equipara a sua Fonte e garante que esta energia continue a fluir.

6 – Deixe de se identificar com base em suas realizações.

Este pode ser um conceito difícil se pensar que vocês são as suas realizações. Deus canta todas as músicas, Deus constrói todos os prédios, Deus é a fonte de todas as suas realizações. Eu posso ouvir o seu ego protestando em voz alta. Entretanto, permaneça atento a esta idéia. Tudo emana da Fonte! Você e esta Fonte são um! Você não é este corpo e as suas realizações. Você é o observador. Observe tudo isto; e seja grato pelas habilidades que acumulou. Mas dê todo o crédito ao poder da intenção, que lhe trouxe à existência e da qual é uma parte materializada. Quanto menos precisar assumir o crédito pelos seus empreendimentos e mais conectado permanecer às sete faces da intenção, mais estará livre para realizar, e mais se apresentará para você. Quando você se liga a estas conquistas e acredita que apenas você que está fazendo todas estas coisas, você deixa a paz e a gratidão de sua Fonte.

7 – Deixe ir a sua reputação.

Sua reputação não está localizada em você. Ela reside nas mentes dos outros.
Portanto, você não tem nenhum controle sobre tudo isto. Se falar para 30 pessoas, você terá 30 reputações. Conectar-se à intenção significa ouvir o seu coração e se conduzir baseado naquilo que a sua voz interior lhe diz que é o seu propósito aqui. Se estiver muito preocupado em como será percebido por todos, então você se desliga da intenção e permite que as opiniões dos outros o oriente. Este é o seu ego operando. É uma ilusão que se interpõe entre você e o poder da intenção. Não há nada que não possa fazer, a menos que se desconecte da fonte de poder e se torne convencido de que o seu propósito é provar aos outros como você é poderoso e superior, e gaste a sua energia tentando ganhar uma gigantesca reputação entre outros egos. Permanecer no propósito, desligar-se do resultado, e assumir a responsabilidade pelo que faz, reside em você: seu caráter. Deixe que a sua reputação seja debatida por outros. Ela nada tem a ver com você. Ou como o título de um livro diz: “O que você pensa de mim, não é da minha conta.”

Tradução: Regina Drumond
reginamadrumond@yahoo.com.br
*
Colaboração:
Diniz Aleixo de Moraes
São Paulo-SP
*
Publicado em: SinapsesLinks
http://sinapseslinks.blogspot.com/
*

Voto Consciente!

*
Por favor,
Click sobre a imagem para ampliá-la.
*





























Voto Consciente!

Este ano, com as eleições estamos em um “mato sem cachorro”...., pérolas de diversos setores saltam aos nossos olhos na propaganda eleitoral (Tiririca, Mulher Pera, Marcelinho Carioca, Ronaldo Ésper, e a lista é grande.... MEU DEUS!!!).

Como você, também estava perdido sobre a minha opção de voto, independente da minha convicção partidária.

Para te ajudar na escolha para Deputado Federal veja abaixo o link do “VOTO ABERTO” onde você responde algumas questões (que já foram votadas em BSB no período de 2007 até 2010), e via um modelo matemático eles associam aos candidatos que mais tem identidade contigo frente as suas respostas.

Estes são os candidatos à reeleição.

Clique em http://migre.me/17fyW
*
Colaboração:
Juliana Sorano Xavier
Pindamonhangaba-SP
*

23 de ago de 2010

Eu sou a Helena!

*

Cérebro Pipocando

*




















Seu cérebro está pipocando?

Você usa muito o telefone celular?

Confira a informação no vídeo:
Youtube: http://www.youtube.com/watch?v=awrAuIZPVtY
Fraternalmente,
Leal - aprendiz em todas as instâncias da Vida
*
Colaboração:
Mario Leal Filho
São Paulo-SP
*

Curso Espiritismo

*

20 de ago de 2010

Jogos dos Idosos

*
Por favor,
Click sobre a imagem para ampliá-la.
*


De um jeito só seu...

*




















De um jeito só seu...


Há um jeito que é só seu, de semear o bem.

Se tem sabedoria para falar, fale!
Há pessoas precisando de quem lhes rasgue novos horizontes.

Se tem o dom de ouvir, ouça!
Há pessoas precisando falar para reorganizar os pensamentos e sentimentos.

Se tem o dom de enxergar os talentos alheios, enalteça-os!
Há pessoas que desabrocham por conta de alguém que lhes reconheça um dom.

Se tem discernimento o bastante para fazer uma observação construtiva, faça-a!
Há pessoas persistindo no mesmo erro, por falta de alguém que as alerte com carinho e firmeza.

Se você não tem vocação para engajar-se em movimentos filantrópicos de grande alcance, tenha em mente que o maior bem a ser semeado começa dentro do seu lar.

Oferte a sua canção, a sua poesia, a sua hospitalidade, aquele prato que ninguém sabe fazer igual.

Oferte a sua diplomacia, a sua liderança ou a sua capacidade de atuar em segundo plano para o bem comum.

Oferte o seu talento para contar piadas e fazer rir.

A sua ternura natural no trato com crianças, idosos ou animais.

A sua capacidade de manter o sangue frio nas horas de crise, quando todos em sua volta desabam.

A sua santa paciência de permanecer num hospital ao lado de um enfermo terminal, ou de varar a noite num velório, naquela hora crítica em que todos vão embora.

Há um jeito que é só seu e todo seu, mesmo que seja ofertar uma flor sem ser dia de nada.

Mesmo que seja uma prece sincera feita
no silêncio do seu quarto.

Na contabilidade Divina, pouco importa se o seu jeito de semear o bem vai alcançar uma criatura ou milhões de criaturas.

Você está fazendo a sua parte, de um jeito que é só seu.
É só isto que realmente importa!

Autoria: desconhecida

Colaboração:
Irvênia de Santis
São Paulo-SP

Publicado em: SinapsesLinks
http://sinapseslinks.blogspot.com/

Muito Obrigado!

*
Por favor,
Click sobre a imagem para ampliá-la.
*

19 de ago de 2010

O Espiritismo

*




















O Espiritismo

“ O Espiritismo é a nova ciência que vem revelar aos homens, por provas irrecusáveis, a existência e a natureza do mundo espiritual, e suas relações com o mundo corporal; ele no-lo mostra, não mais como uma coisa sobrenatural, mas, ao contrário, como uma das forças vivas e incessantemente ativas da Natureza...”
(O Evangelho Segundo o Espiritismo, Cap. I, item 5)

Uma visão sobre a Vida Maior renasce no século XIX na França: verdadeiro ato heróico fez o notável professor Allan Kardec, trazendo toda uma idéia sobre a espiritualidade para o Velho Mundo, até então adormecido pelas doutrinas materialistas e lucrativas vigentes na época.

O Estado e as classes sociais dominadoras transformavam os interesses de alguns em necessidades de todos. Para assegurar privilégios e poder, usavam dos instrumentos possíveis, desde as religiões, meios de comunicação e até a escola, como difusão de crenças e valores que lhes garantissem a ordem social e seus ideais como verdades de todos.

A religião como instituição sagrada se convertia em instrumento e, ao mesmo tempo, vítima do processo.

Os sacerdotes eram os donos das almas há séculos, e os destinos das criaturas estavam circunscritos às decisões eclesiásticas que detinham o cetro divino da absolvição ou da condenação.

Acreditavam-se que as consciências não tinham estrutura de fato para suas avaliações sobre o certo e errado, por isso eram manipuladas por crenças autoritárias e arbitrárias, ditadas por homens intransigentes e fanáticos.

A missão imposta às escolas e às universidades era contribuir para a realização de ideologias criadas por esses grupos detentores da decisão, formando consciências submissas e servis, tementes a Deus, ao Rei e ao Estado, impondo-se com argumentos que não eram de ordem divina e nem natural, e sim, necessidades camufladas pelos herdeiros previlegiados e arrogantes de uma sociedade absolutista.

O eminente educador Rivail, homem de uma religiosidade missionária, traz à França, em meio ao positivismo de Augusto Comte, a idéia imortalista do Espiritismo.

Apesar do conceito da reencarnação ter sido banido do movimento religioso pelos Concílios Ecumênicos da antigüidade, Kardec o apresenta ao mundo sob a supervisão dos espíritos superiores, estabelecendo assim novos rumos à sociedade, presa a conceitos de superioridade de nascimento e graças especiais entre os escolhidos.

Os preconceitos de classe social, cor e sexo caem por terra, já que pela roda das encarnações sucessivas poderemos habitar os mais diferentes corpos e pertencer às diversas castas da sociedade; a família patriarcal e possessiva já não tem razão de ser e a servidão da mulher toma conotação de crença despótica e machista.

Faz-se então uma verdadeira revolução nos costumes medievais que ainda vigoravam na época, encontrando por parte de alguns, consideração pela lógica e discernimento da vida como um todo, e por parte de outros tantos, oposição sistemática pelo grau de imaturidade psicológica e por mexer em valores íntimos de convencionalismo e superstição, arraigados em suas consciências através dos tempos.

O Espiritismo fez novamente renascer nas almas a compreensão da verdadeira natureza do homem e perceber que sua destinação é fruto de suas escolhas.

Imortalidade das almas e vidas sucessivas são algumas das bases sólidas que abalaram os alicerces de toda uma coletividade estruturada numa visão distorcida da realidade universal.

A nova ideologia estabelece por crença indispensável a fraternidade, como concepção de vida real, a ser incorporada pelos indivíduos e grupos à medida que suas necessidades espirituais forem tomando aspectos de ascensão e conhecimento.

A Doutrina Espírita é um método real de educação. A sobrevivência após a morte, a preexistência e a evolução das almas, ainda são quase que totalmente desconhecidas pelos povos com ares de hegemonia.

Porém, ao tempo certo tomarão consciência, conforme afirma o Apóstolo Paulo, escrevendo às igrejas da Galácia:... “porque a seu tempo tudo ceifaremos”.

Do Livro: RENOVANDO ATITUDES
Psicografado Por: FRANCISCO DO ESPÍRITO SANTO NETO
Pelo Espírito: HAMMED
Editora: BOA NOVA
Site: www.boanova.net
Formatado por:
humberto@hpqualtech.com.br 03/06/2010

Colaboração:
Regina Bachega
São Paulo-SP

Publicado em: SinapsesLinks
http://sinapseslinks.blogspot.com/

Minha Psicosfera

*
Por favor,
Click sobre a imagem para ampliá-la.
*

17 de ago de 2010

Erotismo

*






















Erotismo

Numa cultura dedicada quase que exclusivamente ao erotismo é natural que o hedonismo predomine nas mentes e nos corações.

Como decorrência das calamidades produzidas pelas guerras contínuas de devastação com as suas armas inteligentes e destruição em massa, o desespero substituiu a confiança que havia entre as criaturas, dando lugar ao desvario de todo porte que ora toma conta da sociedade.

Sem dúvidas, tem havido um grande desenvolvimento cientifico-tecnológico, dantes jamais sonhado, no entanto, não acompanhado pelos valores ético-morais, cada dia mais negligenciados e desrespeitados pelos indivíduos assim como pelas nações.

Leia o texto completo no blog: AtrioMental
Link: http://migre.me/15pPM
http://atriomental.blogspot.com/
*

Resultado dos meus exames

*





















Resultado dos meus exames


Fui à clínica do Senhor para fazer uma consulta de rotina. E constatei que estava enfermo.

Quando Jesus me tomou a pressão, viu que estava baixa de ternura.

Ao medir-me a temperatura, o termômetro registrou 40º C de ansiedade.

Me fez um eletrocardiograma e o diagnóstico foi que necessitava bombear mais amor, pois as minhas artérias estavam bloqueadas de solidão e saudade, e não abasteciam meu coração vazio.

Passei pela ortopedia, já que não podia caminhar ao lado do meu irmão, e tampouco dar um abraço fraternal, porque havia me machucado ao tropeçar nos problemas.

Também me diagnosticou miopia, já que não podia ver mais nada além das coisas negativas do meu próximo.

Quando me queixei de surdez, Jesus disse que eu havia deixado de escutar Sua voz a cada dia.

É claro que Jesus me deu uma consulta gratuita e, graças à Sua misericórdia, prometo que ao sair desta clínica, tomarei somente os medicamentos naturais que me receitou através da Sua verdade.

Ao levantar-me, beber um copo de agradecimento.

Ao chegar ao trabalho, tomar uma xícara de paz.

A cada hora, ingerir um comprimido de paciência e uma cápsula de humanidade.

Ao chegar em casa, injetar uma dose de amor.

E, antes de dormir, tomar duas doses de consciência tranquila.

Não se deprima nem se desespere pelo que está vivendo hoje. Deus sabe o que você sente. Ele sabe perfeitamente o seu limite e não deixará passar deste ponto.

O propósito de Deus para você é admiravelmente perfeito. Ele deseja lhe mostrar muitas coisas que somente compreenderia estando exatamente no lugar onde está e na exata condição que vive agora neste lugar.

Que Deus o abençoe sempre!
*
Autoria desconhecida
*
Colaboração:
Irvênia de Santis
São Paulo-SP
*
Publicado em: Sinapseslinks
http://sinapseslinks.blogspot.com/
*

16 de ago de 2010

Palestras Espíritas

*




















44º Ciclo de Palestras Espíritas de Pindamonhangaba


17ago10 - Ter - 20h - Eurípedes
Link:
http://sinapseslinks.blogspot.com/2008/08/eurpedes-barsanulfo_15.html

18ago10 - Qua - 20h - Batuíra
Link:
http://sinapseslinks.blogspot.com/2008/08/batura_15.html

19ago10 - Qui - 20h - Vicente de Paulo
Link:
http://sinapseslinks.blogspot.com/2008/08/vicente-de-paulo.html

20ago10 - Sex - 20h - Luz do Caminho
Link:
http://sinapseslinks.blogspot.com/2008/08/luz-do-caminho.html

21ago10 - Sab - 20h - Bezerra de Menezes
Link:
http://sinapseslinks.blogspot.com/2008/08/bezerra-de-menezes_15.html

22ago10 - Dom - 17h - Irmã Terezinha
Link:
http://sinapseslinks.blogspot.com/2008/08/irm-terezinha.html

23ago10 - Seg - 20h - Paulo de Tarso
Link:
http://sinapseslinks.blogspot.com/2008/08/paulo-de-tarso.html

24ago10 - Ter - 20h - Francisco de Assis
Link:
http://sinapseslinks.blogspot.com/2008/08/francisco-de-assis_15.html

25ago10 - Qua - 20h - Paz e Luz
Link:
http://sinapseslinks.blogspot.com/2008/08/paz-e-luz.html

26ago10 - Qui - 20h - Casa do Caminho
Link:
http://sinapseslinks.blogspot.com/2008/08/casa-do-caminho_15.html

27ago10 - Sex - 20h - Casa Transitória
Link:
http://sinapseslinks.blogspot.com/2008/08/casa-transitria.html

28ago1- Sab - 20h - Caridade e Amor
Link:
http://sinapseslinks.blogspot.com/2008/08/andr-luiz_15.html

29ago10 - Dom - 18h - Albina Savazzi
Link:
http://sinapseslinks.blogspot.com/2008/08/albina-savazzi.html

Bem-vindo ao futuro

*





























1ª MOSTRA 3M DE ARTE DIGITAL

Imaginar os atuais processos de criação sem a interferência de ferramentas digitais é uma tarefa cada vez mais difícil. Por essa razão, cabe a pergunta: hoje, podemos dissociar o real do virtual? Tentando responder a essa questão, a Mostra de Arte Digital tem como intenção discutir a relação entre as novas tecnologias e a arte, exibindo trabalhos totalmente digitais e obras manuais que são divulgadas pelas novas mídias.

Sem depender mais dos meios de divulgação tradicionais, os artistas podem, hoje, divulgar seus trabalhos pelo celular, computador ou vídeo, apresentado suas obras em qualquer lugar e a qualquer momento. Por isso, softwares e ferramentas digitais ganham cada vez mais adeptos.

A partir disso, nada mais justo do que apresentar uma mostra que exponha obras de artistas que dialogam com essa tendência, para que todos acessem, vejam e apreciem. Fazendo juz ao nome, a Mostra de Arte Digital irá expor os trabalhos em telas de LCD e em computadores, além de apresentar as mesas digitalizadoras, convidando o público a realizar ilustrações em plataformas inovadoras. Bem-vindo ao futuro.
*
Fonte:http://www.mostra3mdeartedigital.com.br/
*

Ética, Justiça e Espiritismo

*




















Ética, Justiça e Espiritismo

Inscrições abertas para o I CONJURESP


Após dois anos de fundação, a Associação Jurídico-Espírita do Estado de São Paulo realizará o I CONJURESP (Congresso Jurídico-Espírita do Estado de São Paulo). O evento reunirá operadores do direito e interessados em geral, com o fim de discutir Ética, Justiça e Espiritismo. Expositores de todo o país já estão com presenças confirmadas. Ribeirão Preto-SP será a sede do I CONJURESP, que ocorrerá nos dias 22 e 23 de outubro, nas Faculdades COC. Inscrições abertas.

Mais informações no site: www.ajesaopaulo.com.br
*

Censo Demográfico

*





















Censo demográfico do IBGE

RECOMENDAÇÃO AOS ESPÍRITAS


Por orientação do presidente Nestor João Masotti, ausente do País em viagem a Nova York, em evento que homenageia Chico Xavier, na sede da ONU, RETIFICAMOS a informação transmitida no dia 2 de agosto, a respeito do Censo demográfico 2010, promovido pelo IBGE.

Diante dos novos esclarecimentos, obtidos em consulta direta ao Órgão, pedimos considerar que, aos pesquisadores do IBGE, poderão ser respondidas as alternativas ligadas ao código 610, todas relacionadas a uma mesma opção: Espírita. A exemplo, poderão ser respondidas as opções Allan Kardec, Cardecismo, Cardecista, Kardecismo, Kardecista, Centro Espírita, Doutrina Espírita, Federação Espírita Brasileira e Espiritismo, entre outras, como estão relacionadas no documento do IBGE.

João Pinto Rabelo
Diretor de Comunicação Social da FEB
*

Filme Nosso Lar

*





















Caros amigos,

Acabo de ver o filme Nosso Lar.

É simplismente maravilhoso! O diretor Wagner de Assis conseguiu materializar a obra prima dos nossos amados André Luiz / Chico Xavier com perfeição em termos cinematográficos. Além disso, Wagner presta uma homenagem maravilhosa a Emmanual e Chico. As cenas da cidade Nosso Lar são perfeitas do ponto de vista de uma estética nova na cinematografia. Um detalhe; o filme apesar de ser temática espírita não é um filme somente para espíritas e sim para todos. Tem cenas emocionantes que nos leva as lágrimas que só um diretor espírita faria.

Parabéns Wagner Assis. Você fez o primeiro filme 100% espírita da história baseado numa obra espírita sem falar em espiritismo. O que você fez para o cinema, aprendemos com Kardec, Emmanuel, André e Chico Xavier.

Vamos ao cinema dia 3/9. Verei de novo.

OCEANO VIEIRA DE MELO
Documentarista e pesquisador espírita
*
Colaboração:
Erda Nemitz
Holambra-SP
*

Uma Ecologia Espiritual

*























Uma Ecologia Espiritual

--------------------------------------------------
O respeito à vida como verdade universal leva a um estado em que agimos como os guardiões dela
-------------------------------------------------

ESTÁ NA HORA de irmos em frente e deixar para trás o desgastado embate entre a ciência e a religião, que já não rende nada.

É preciso encontrarmos um novo rumo, ir além da polarização linear que vem caracterizando as discussões do papel da fé e da razão na vida das pessoas por mais de cem anos. A ciência não se propõe a roubar Deus das pessoas, e nem toda prática religiosa é anticientífica.

Existe uma outra dimensão a ser explorada, ortogonal a esse eixo em torno do qual giram os argumentos mais comuns.

Um caminho possível é explorar valores morais de caráter universal que desafiem a linearidade do cabo de guerra entre a ciência e a religião.

Bem sei que, para muita gente, a proposta de encontrar valores morais universais representa já um beco sem saída. Relativistas culturais, por exemplo, argumentarão que esses valores universais não existem, que o que é certo para um pode ser errado para outro. Por exemplo, culturas nas quais a poligamia é aceita.

Para encontrar valores morais universais, precisamos ir mais fundo. Não podem ser valores que variem de cultura para cultura ou em épocas diferentes, como a ideia do casamento. Sugiro que o valor mais efetivo que podemos explorar vem da única certeza universal que temos: a morte.

A morte não é recebida com prazer em nenhuma cultura. Claro, alguns veem a morte como uma transição para uma nova vida, ou um mero aspecto de uma existência sem fim. Outros podem até vê-la como um ato heroico de martírio. Mas, tirando fundamentalistas radicais, ninguém em boa saúde física e mental escolhe morrer. Portanto, de todos os valores morais que podemos imaginar, proponho que o mais universal seja a preservação da vida.

Não me refiro apenas à vida humana. Quando percebemos o quanto nossas vidas dependem do planeta que habitamos, damos-nos conta de que precisamos agir para preservar todas as formas de vida. É óbvio que temos que garantir nossa existência, e que isso requer que consumamos alimentos. Mas esse consumo não precisa ser predatório. Pode ser planejado para que mantenha um equilíbrio saudável entre o que é produzido e o que é consumido.

Quanto mais saudável o planeta, mais saudável a economia. Isso pode não ser óbvio a curto prazo, mas em intervalos de décadas é.

Este é o século em que finalmente iremos entender que precisamos estabelecer uma relação simbiótica com a Terra. Talvez essa seja a lição mais importante que a ciência moderna tem a ensinar.

O respeito à vida como moral universal leva a uma ecologia espiritual na qual nós, como espécie dominante do planeta, agimos como guardiões da vida. Com isso, a dimensão espiritual que nos é tão importante ganha expressão na devoção ao planeta e às suas formas de vida.

Esse senso de conexão espiritual com a natureza é celebrado tanto na ciência quanto na religião. De Einstein a Santa Teresa de Ávila (grato a Frei Betto, por me chamar atenção para esta obra), o mundo é festejado como sacro. As palavras variam, mesmo a motivação pode variar; mas, em sua essência, a mensagem é a mesma. Acho difícil encontrar uma moral universal mais básica do que o respeito à vida e ao planeta que a abriga de forma tão generosa. Ao menos, é um começo.

MARCELO GLEISER é professor de física teórica no Dartmouth College, em Hanover (EUA), e autor do livro "Criação Imperfeita"
*
Fonte:
http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ciencia/fe1508201005.htm
*
Publicado em: SinapsesLinks
http://sinapseslinks.blogspot.com/
*

15 de ago de 2010

Mãe Natureza

*

50 Trilhões de células

*





















50 Trilhões de células

O que muitos cientistas ainda consideram antropomorfismo, ou melhor, citopomorfismo, eu chamo de "biologia 101".

Você pode se considerar um indivíduo, mas como biólogo celular eu lhe digo que você é uma grande comunidade cooperativa de aproximadamente 50 trilhões de células e que a maioria delas vive como amebas, ou seja, organismos que desenvolvem uma estratégia cooperativista para a sobrevivência de todos.

Em termos mais simples:
Os seres humanos são meros resultados de uma "consciência amebóide coletiva".

Assim como uma nação reflete as características de seus cidadãos, nossa condição humana reflete a natureza de nossa comunidade celular.
*
Livro-fonte:
A biologia da crença
Dr. Bruce H. Lipton
Página 32
Editora Butterfly
*
Publicado em: SinapsesLinks
http://sinapseslinks.blogspot.com/
*

14 de ago de 2010

Aos Amigos!

*
Por favor,
Click sobre a imagem para ampliá-la.
*





























ORAÇÃO DO AMIGO

Há muito se diz que, quem encontrou um amigo, encontrou um tesouro precioso.

Há muito se diz que amizade verdadeira dura pra sempre. Não tem aquelas tempestades da paixão e nem a calmaria exagerada do descompromisso.
É o meio termo.
É a bonita sensação do estar perto e, de repente, deixar o silêncio chegar.
Não exige tanto. Exige tudo.
As amizades nascem do acaso.
Ou de alguma força que faz com que uma simples brincadeira, uma informação, um caderno emprestado, uma dor seja capaz de unir duas pessoas.
E a cumplicidade vai ganhando corpo, e o desejo de estar junto vai aumentando, e, com ele, a sensação sempre boa do poder partilhar, de se doar

Há muito se diz que os amigos verdadeiros são aqueles que se fazem presentes nos momentos mais difíceis da vida, naqueles momentos em que a dor parece querer superar o desejo de viver.
De fato, os amigos são necessários nesses momentos.
Mas, talvez, a amizade maior seja aquela em que o amigo seja capaz de estar ao lado do outro nos momentos de glória, e vibrar com essa glória.
Não ter inveja. Não querer destruir o troféu conquistado.
Aplaudir e se fazer presente. Ser presente.
A amizade não obedece à ordem da proporcionalidade do merecimento.
Não há sentido em querer de volta tudo o que com generosidade se distribuiu.

A cobrança esmaga o espontâneo da amizade.
E a surpresa alimenta o desejo de estar junto.
O amigo gosta de surpreender o outro com pequenos gestos.
Coisas aqui e ali que roubam um sorriso, um abraço, um suspiro.
E tudo puro, e tudo lindo.
Há muito se diz que não é possível viver sozinho.
A jornada é penosa e, sem amparo, é difícil caminhar.
Juntos, os pássaros voam com mais tranqüilidade.
Juntas, as gaivotas revezam a liderança para que nem uma delas se canse demais.
Juntos, é possível aos golfinhos comentarem a beleza de um oceano infinito.
Juntos, mulheres e homens partilham momentos inesquecíveis de uma natureza que não se cansa de surpreender.


Eu te peço, Senhor, nessa singela oração, que me dês a graça de ser fiel aos meus amigos. São poucos.
E impossível seria que fossem muitos.
São poucos, mas são preciosos.
Eu te peço, Senhor, que me afastes do mal da inveja que traz consigo outros desvios.
A fofoca. A terrível fofoca que humilha, que maltrata, que faz sofrer.
Eu te peço, Senhor, que o sucesso do outro me impulsione a construir o meu caminho, e que jamais eu tenha ânsia de querer atrapalhar a subida de meu amigo.
Eu te peço, Senhor, a graça de ser leal.
Que eu saiba ouvir sempre e saiba quando é necessário falar.
Senhor, sei que a regra de ouro da amizade consiste em não fazer ao amigo aquilo que eu não gostaria que ele me fizesse.
E te peço que eu seja fiel a essa intenção.
E sei que essa regra fará com que o que se diz há tanto tempo se realize na minha vida.
Que eu tenha poucos amigos, mas amigos que permaneçam para sempre.
Não poderia ter muitos.
Não teria tempo para cuidar de todos.
E de amigo a gente cuida. Amigo a gente acolhe, a gente ama.
Senhor, protege os meus amigos.
Que, nessa linda jornada, consigamos conviver em harmonia.
Que, nesse lindo espetáculo, possamos subir juntos ao palco.
Sem protagonista.
Ou melhor, que todos sejam protagonistas, e que todos percebam a importância de estar ali. No palco. Na vida.
Obrigado, Senhor, pelo dom de viver e de conviver.
Obrigado, Senhor, pelo dom de sentir e de manifestar o meu sentimento.
Obrigado, Senhor, pela capacidade de amar, que é abundante e é sem-fim.

Á VC querida(o) Amiga(o),
á VC que todos os dias,
Me encanta, me faz sorrir,
Me acalanta quando choro,
Me escuta, quando aconselho,
Me chama a atenção, quando estou errada,
Á VC em especial,
Que Jesus te ilumine,
Hoje e sempre, e
Que nossa amizade
Continue nas estrelas.
*
Autoria: desconhecida
*
Colaboração: Ianaê Seabra Pitanguy
São Paulo-SP * 2007
*

13 de ago de 2010

White man

*
Por favor,
Click sobre a imagem para ampliá-la.
*






















Aonde o Homem Branco Errou

O Chefe Indiano "Duas Águias" foi questionado por um oficial branco do governo dos Estados Unidos, "você observou o homem branco por 90 anos. Você viu suas guerras e seus avanços tecnológicos. Você viu o progresso e os danos que ele fez."
O Chefe assentiu com a cabeça em concordância.
O oficial continuou, "considerando todos esses eventos, na sua opinião, aonde o homem branco errou?"
O Chefe olhou para o oficial do governo e respondeu, " Quando branco achou terra, havia índios correndo, sem taxas, sem dívida, búfalo em abundância, castor em abundância, água limpa. Mulheres faziam todo o trabalho, homem livre de medicina. Homem índio gasta todo o dia caçando e pescando; a noite toda fazendo sexo."

Então o Chefe se inclinou para trás e sorriu, " Só o homem branco burro o suficiente para pensar que ele poderia melhorar um sistema como aquela."
*
Tradução:
Sarah Leal Dias Gonçalves
Americana-SP
*

Gaste mais tempo

*

Manutenção!!!

*

12 de ago de 2010

11 de ago de 2010

Abandonar a Terra

*
Por favor,
para ler o texto, click sobre a imagem.
*


Velocidade de conexão

*

Censo IBGE

*























Censo IBGE - Recomendação aos Espíritas


✦ Considerando que, segundo informações, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE, na pesquisa destinada ao Censo demográfico nacional caracterizou os espíritas como Kardecistas;

✦ Considerando que esta Federação Espírita Brasileira - FEB, não foi consultada por aquele órgão sobre o assunto;

✦ Considerando que a esta altura, não há tempo hábil de tentar mudar a programação estabelecida pelo IBGE;

✦ Considerando ainda que a pesquisa nacional já se encontra em curso;

Recomendamos a todos os espíritas que, ao serem consultados pelos pesquisadores do IBGE e visando a inclusão de todos na contagem que se realiza, declarem-se Kardecistas, uma vez que no formulário do Censo não foi registrada a palavra Espírita.

Brasília, 2 de agosto de 2010.

Federação Espírita Brasileira
Nestor João Masotti
Presidente
*
Colaboração:
Diniz Aleixo de Moraes
São Paulo-SP
*
Publicado em: SinapsesLinks
http://sinapseslinks.blogspot.com/
*

Presa fácil!

*
Por favor,
Click sobre a imagem para ampliá-la.
*





















*
O preço da segurança é a eterna vigilância...
*

RECEITA PARA MELHORAR

◆ Dez gramas de juízo na cabeça.
◆ Serenidade na mente.
◆ Equilíbrio nos raciocínios.
◆ Elevação de sentimentos
◆ Pureza nos olhos.
◆ Vigilância nos ouvidos.
◆ Interruptor na língua.
◆ Amor no coração.
◆ Serviço útil e incessante nos braços.
◆ Simplicidade no estômago.
◆ Boa direção nos pés.
◆ Uso diário em temperatura de Boa Vontade.

Pedro Leopoldo,1948
José Grosso/Chico Xavier
*

10 de ago de 2010

Erros e Provas

*






















Erros e Provas

As três fases deste processo são difíceis.

Cada um de nós, a seu turno, quando submetido à Lei Inexorável...sente o peso do desafio.

Arrependimento:
São duas as grandes situações básicas em que nos arrependemos: por excesso, ou, por omissão.
Erramos para mais e para menos.
Mas, quando ganhamos consciência do erro, nos sentimos feridos. Espiritualmente feridos.

Reparação:
Reparar um erro, maioria das vezes, é difícil ou complicado: se tiramos a vida de alguém; se roubamos seus bens; se prejudicamos sua Família...
Os cenários são muitos.
Maioria das vezes a reparação é um processo a ser conquistado no tempo, pois, poderão ser necessárias diversas encarnações.

Provação:
Já erramos; já reparamos, e, agora, nos deparamos, outra vez, com cenário semelhante de então.
Este é um momento de teste dos nossos conhecimentos, e, se, de fato, introjetamos aqueles aprendizados do pretérito.
*
Ponderação:
Qual de nós pode se dizer isento da Lei Inexorável dos “Erros e Provas”?

Diariamente erramos;
Diariamente reparamos, e,
Diariamente somos provados!

É preciso que tenhamos desenvolvido a capacidade do Perdão e da Indulgência para que possamos, diariamente, viver cada um dos dias, com um mínimo de erros.

Nosso grande desafio é o Relacionamento Humano.

Jesus, o Cristo, nos ensinou como devemos viver estes testes:
“Amai-vos uns aos outros como Eu vos amei.”

Somos julgados ininterruptamente.
*
Fraternalmente,
Leal - aprendiz em todas as instâncias da Vida
*
Publicado em: SinapsesLinks
http://sinapseslinks.blogspot.com/
*